Páginas

Ouça a música dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

3.2.14

Disco do Mês: Nas Esquinas da Amazônia








Nosso 31º Disco do Mês, comemorando os 54 meses do Som do Norte no ar, é Nas Esquinas da Amazônia, que Zeca Preto lança agora em fevereiro de 2014. O show de lançamento oficial acontece na Casa do Neuber, Boa Vista, no próximo dia 14, uma sexta-feira, com entrada franca. 

Nascido em Belém, José Maria de Souza Garcia vive há muitos anos em Roraima, tornando-se uma espécie de embaixador cultural e musical roraimense desde que obteve o segundo lugar com "Macuxana" no 1º Festival de Música de Roraima. 

Quatro anos depois, no 2º festival, novamente ficou em segundo lugar, com a música "Roraimeira". Nome que batizou chácaras, padaria, boates e tantas outras coisas - como lembra o artista "virou, por exemplo, o peixe fresco na feira, enfim o que era bom era Roraimeira". Em 1984, o nome batizou um show, na verdade praticamente uma mostra cultural roraimense, realizada no Teatro Amazonas (Manaus), reunindo várias linguagens, como Música, Dança,  Poesia e Artes Plásticas. Conta Zeca Preto: "Foi um sucesso e tivemos que repetir esse show aqui em Boa Vista, para que os roraimenses também pudesse assistir e se orgulhar de ver no palco a tradução da terra em que viviam." Posteriormente, o nome Roraimeira batizou o movimento de valorização da cultura do Estado, iniciado com aquele show em Manaus, e que foi tema de um documentário da série Doc.TV em 2009.

Zeca ainda viria a participar de outros festivais. Em 1990, tirou o último lugar no 6º Femur, com sua parceria com Neuber Uchôa "Macunaimando". Só que, como bem recorda Zeca, esta música "é hoje a música mais tocada na Terra de Macunaima, virou o hino informal de Roraima. Serve para colação de grau, para mostra em outros lugares, nas viagens etc".



Zeca Preto possui 14 discos gravados e 2 livros editados. Fez centenas de shows em várias cidades brasileiras, e também na Venezuela e na Suíça. Recebeu o prêmio de gravação do Projeto Pixinguinha em 2009, com seus parceiros de Trio Roraimeira (Eliakin Rufino e Neuber Uchôa). Atualmente faz turnê pelos 15 municípios de Roraima para lançar o disco Nas Esquinas da Amazônia

1 - Um pedacinho (Enrico Di Miceli - Zeca Preto)




2 - Choque de puraké (Zeca Preto)




3 - Sou daqui, sou de lá (Zeca Preto - George Farias)




4 - Sebastiana (Enrico Di Miceli - Zeca Preto) com Wladimir




5 - Festa (Enrico Di Miceli - Zeca Preto) com Halisson Crystian




6 - No pote só tinha mel (Zeca Preto - Miro Garcia) com Miro Garcia




7- Ninja na encantação (Enrico Di Miceli - Zeca Preto)




8 - Domingueira (Zeca Preto - Aroma)




9 - Caboquinha linda (Zeca Preto - Sousa) com Sousa




10 - Amor de sexta-feira (Zeca Preto - Sérgio Barros)





11- Mandinga (Zeca Preto - Cristina Rocha) com Cristina Rocha




12- Meu Tambor (Enrico Di Miceli - Zeca Preto - Joãozinho Gomes)




13- Queria (Zeca Preto - Cacá Farias)




14- Marquises da Cidade (Enrico Di Miceli - Zeca Preto) com Aroma